Para um dia das mães especial

“De todo o amor que eu tenho
Metade foi tu que me deu
Salvando minh’alma da vida
Sorrindo e fazendo o meu eu” (Maria Gadú) 

 

Embora as mães devam ser lembradas todos os dias, é no segundo domingo de maio que elas são homenageadas. Ser mãe muda a vida de uma mulher, desde a gestação, passando pelo nascimento, desenvolvimento e criação de um filho, e para elas, as mães, a SEQUALI divulga uma mensagem de superação, e  de amor incondicional, que a maternidade proporciona, com a participação da Analista Ambiental Aline Vasconcelos Zeymer, da Coordenação-Geral de Orçamento e Finanças.

 

E no intuito de ajudar quem faz o bem, aproveitamos o momento para divulgar o trabalho realizado pela Associação Santos Inocentes.

Se tornar mãe é o sonho de muitas mulheres, para outras a gravidez pode acontecer de uma maneira inesperada. Para uma parcela considerável delas a ideia de não levar a gestação adiante parece a única solução.

E com a missão de promover a vida a Associação Santos Inocentes faz um trabalho de acolhimento ímpar para aquelas mulheres que desistem de abortar, que não tem lugar para ficar, ou são vítimas de violência doméstica, financeira, psicológica, de vulnerabilidade social, e decidem ser mães apesar de todas as adversidades.

As crianças de 06 meses a 04 anos de idade são acolhidas em creche, período integral. Dessa forma, a casa oferece condições para que a mãe não aborte e possa trabalhar enquanto o filho está em um local seguro. Atualmente, a Casa São José atende 80 crianças. Já a Casa de acolhimento Santa Gianna Beretta Molla, tem capacidade para 25 gestantes ou mulheres acompanhadas por seus filhos.

Para a continuidade das ações dessa Associação, principalmente nesse cenário de Pandemia, ela necessita da generosidade das pessoas, e conta com doações tanto financeiras, como de utensílios domésticos, roupas e enxovais.

Conheça o trabalho dela aqui http://www.santosinocentes.com.br/2013/pt-br/ , e se puder, Doe!